Guia completo sobre máquinas de sorvete! Confira!

Guia completo sobre máquinas de sorvete! Confira!

Como o país tropical que é, o Brasil é um país apaixonado por sorvetes. Apesar de as vendas explodirem no verão, elas ainda acontecem, até, nas estações frias. Portanto, comprar uma máquina de sorvete é uma alternativa interessante para empreender.

Com o investimento nos equipamentos certos, dá para começar o próprio negócio no ramo e obter os primeiros lucros. Ao mesmo tempo, é preciso considerar as características específicas do segmento e dessa alocação de recursos. Como os aparelhos têm uma operação própria, a compra deve ser baseada em informações concretas.

Neste guia completo, você verá tudo o que deve saber sobre máquinas de sorvete. Continue a leitura e confira!

Quais são os tipos de máquinas de sorvete e suas diferenças?

Para atender aos gostos das pessoas, não existe apenas um tipo de sorvete disponível no mercado. Hoje, é possível encontrar diversos preparos que compartilham o sabor único e a temperatura baixa. No entanto, são diferentes em consistência, textura e forma de apreciar.

Entre opções na casquinha, no potinho e com um cuidado extra, há diversas máquinas de sorvete. Cada equipamento atende a certos propósitos. Então, vale ficar de olho para realizar a melhor escolha.

Quer saber quais possibilidades estão disponíveis para o seu negócio? Veja quais são os tipos de máquinas de sorvete.

Expresso

O sorvete expresso também é conhecido como italiano ou soft. Ele é aquele bem macio e fácil de comer, que pode ser servido em casquinhas e copinhos.

Como é uma alternativa muito famosa, faz bastante sucesso, ainda mais nas estações quentes. É por isso que dá para dizer que ele é uma opção de compra de impulso. Fácil de fazer e grande conhecido, as pessoas nem precisam pensar muito para pedi-lo em um estabelecimento.

O funcionamento acontece porque um cilindro resfria bastante as caldas de preparação. Quando o mecanismo é ativado, logo chega à textura desejada e forma o sorvete de vários “andares”.

Escolher essa opção é interessante por conta da versatilidade. O equipamento é relativamente pequeno e funciona em sorveterias, quiosques, pequenas lojas e, até, como complemento de outro ambiente comercial.

Artesanal

O sorvete artesanal ganhou os corações e o paladar das pessoas. A busca por produtos com sabor “de verdade” e com um toque exclusivo faz com que essa alternativa ganhe popularidade.

Há, por exemplo, o tradicional sorvete de massa ou gelatto e o sorbet, que é feito com água e é muito refrescante. Há várias outras opções, com consistências e temperaturas específicas para servir.

Uma máquina de sorvete artesanal conta com espátulas que agitam a mistura de ingredientes selecionados. Após o tempo adequado de preparação, o sorvete sai na consistência desejada, de uma só vez. Com uma extração de qualidade, há máximo aproveitamento dos materiais.

Pasteurizado

A pasteurização é um processo pensado na diminuição dos riscos de contaminação. Para quem abre o próprio negócio e escolhe uma máquina de sorvete, é importante para evitar desperdícios. Afinal, o procedimento aumenta a durabilidade dos produtos e garante a manutenção da qualidade.

Para que isso aconteça, ela realiza um aquecimento das caldas a certa temperatura e, em seguida, faz-se um resfriamento constante dentro de determinado período.

Além de tudo, é uma máquina essencial para melhorar a mistura dos ingredientes — especialmente os que não solubilizam muito bem. Desse jeito, o resultado é homogêneo e de qualidade, o que é necessário nos artesanais.

Multifuncionais

Uma máquina de sorvete moderna, normalmente, não desempenha apenas uma função. Hoje, é comum encontrar equipamentos multifuncionais e que oferecem um retorno ainda maior sobre o investimento.

Essas alternativas produzem vários tipos de sorvete e fazem com que o seu dinheiro seja bem aproveitado. Se a intenção for oferecer uma grande variedade de opções para os clientes, essa é a melhor escolha.

As pasteurizadoras, por exemplo, podem produzir caldas e, até, doces diferentes. Assim, é possível complementar o cardápio e criar componentes que serão muito procurados pelos clientes.

Já a máquina de sorvete multifuncional também é útil para produzir creme de açaí, frozen yogurt e as bases para milkshakes e outras receitas. Então, na hora de comprar, vale considerar se o equipamento atende a esses diferentes critérios.

Quais são suas principais dúvidas sobre máquina de sorvete?

Além de conhecer quais são os tipos de equipamento disponíveis, é essencial tirar as principais dúvidas sobre o assunto. Desse jeito, você consegue se preparar para a operação e tem a chance de atuar da melhor maneira.

Inclusive, ter um nível maior de conhecimento aumenta a sua segurança sobre o investimento e permite fazer escolhas adequadas. Com as respostas certas, dá para desmistificar vários pontos sobre o assunto.

A seguir, veja as principais dúvidas respondidas sobre máquina de sorvete e entenda como aproveitar ao máximo o aparelho.

Quais são as boas práticas de uso?

Para obter produtos de qualidade, ter segurança e manter a durabilidade dos componentes, é essencial utilizar o equipamento da melhor forma.

Uma das boas práticas é somente usá-lo para o que ele é proposto. Tentar usar uma pasteurizadora para fazer creme de açaí não é a decisão ideal, assim como você não vai conseguir atingir a consistência de sorbet com uma de sorvete soft. Respeite as características, até mesmo, das multifuncionais para acertar.

Também é indispensável não ligar o equipamento se ele estiver sem a calda. Como é esse produto que vai dar origem ao sorvete, mediante o ultracongelamento, é indispensável que ele esteja nas cubas ou cilindros. Se você ligar o equipamento sem a preparação, corre o risco de sofrer com o mau funcionamento.

Na hora de deixar a função de servir ativada, também é essencial ter a quantidade certa de produto. Do contrário, os acessórios podem sofrer congelamento e perder a funcionalidade.

Além de tudo, é preciso acompanhar, constantemente, o nível de calda nos componentes. Sem a quantidade correta, podem surgir ruídos, e o risco de quebra fica maior.

Como fazer a limpeza adequada da máquina de sorvete?

Manter a higiene na produção de sorvete é essencial. Além de isso ser obrigatório do ponto de vista sanitário, é algo que garante uma experiência melhor e mais satisfação por parte dos clientes. Então, é normal que uma das dúvidas esteja relacionada à limpeza.

O processo depende, primeiramente, do tipo de máquina. O fabricante pode indicar quais são as medidas necessárias e como realizar o procedimento da forma correta. Não deixe de considerar as dicas específicas para executar a etapa.

De modo geral, entretanto, a limpeza inclui alguns passos. Tudo começa com o esvaziamento da calda que não foi usada, de modo que os compartimentos fiquem livres para a limpeza. Se for possível desmontar algumas partes, como as peças de apoio em contato com o suporte, faça isso.

Em seguida, é recomendado despejar água em vários ciclos, até que ela saia completamente limpa. Também vale a pena adicionar uma mistura com detergente neutro, caso o aparelho tenha uma função específica de lavagem.

Algumas peças desmontáveis precisam ser submersas em uma solução de limpeza, para que fiquem totalmente higienizadas. Então, vale considerar essa possibilidade.

Não se esqueça de limpar cilindros e cubas, bem como canais de conexão e alguns tubos. O processo deve ser feito com alguma periodicidade, mas o ideal é realizar a limpeza superficial diariamente, após as atividades.

Como é realizada a manutenção?

Para garantir máxima durabilidade e uma boa qualidade do sorvete, a máquina deve passar por cuidados contínuos. A manutenção não deve ser apenas corretiva, pois é a mais cara, menos eficiente e que mais compromete a produtividade.

Em vez disso, é preciso executar a manutenção preventiva. Ela é feita constantemente, antes que qualquer problema aconteça. É o caso de lubrificar correias, substituir alguns itens e regular a operação. Desse jeito, é possível garantir os melhores níveis de funcionamento, além de máxima proteção ao equipamento.

Porém, é importante tomar cuidado. As máquinas mais modernas envolvem sistemas complexos e vários componentes. Alterar qualquer um desses elementos por conta própria não é a melhor alternativa. Em vez disso, o indicado é contar com atenção profissional especializada.

Vale ter o apoio de uma equipe voltada para a execução desses processos. Isso vai garantir um bom funcionamento e, ainda, oferece tranquilidade em seu cotidiano.

Como escolher o tipo de produto para vender?

Como as máquinas atuam para vários fins, é natural que os novos empreendedores tenham dificuldades para decidir. Se for o seu caso, é importante saber que não existe um tipo de sorvete melhor que o outro. O expresso tem vantagens e desvantagens, assim como o artesanal, por exemplo.

Para definir qual vender, avalie quais são as condições do seu mercado. Veja quais são os concorrentes da área e o que tem maior saída. Se possível, faça uma pesquisa para encontrar a alternativa ideal.

Cada região funciona melhor com certos tipos desses produtos gelados, então é essencial estudar bem o seu público. Desse jeito, é possível fazer a compra adequada.

Qual é o potencial de lucro? E o retorno de investimento?

Junto à dúvida sobre o que vender, surgem questionamentos sobre a viabilidade e as vantagens do investimento. Afinal, adquirir uma máquina de sorvete é uma decisão tomada com o pensamento nos lucros e nos bons resultados, não é mesmo?

A parte positiva é que esse mercado se destaca no Brasil. O país tem altas temperaturas em boa parte do ano, o que estimula o consumo de sorvetes. Além disso, a chance de vender outros produtos, como o creme de açaí, atende a uma grande demanda interna. Somente em 2019, o setor lançou uma projeção de faturamento de mais de R$ 13 bilhões. Então, não faltam oportunidades.

Uma boa máquina também garante produtividade, o que significa venda em escala e de grande qualidade. A de sorvete expresso, por exemplo, permite fazer centenas de casquinhas por dia. Isso eleva os ganhos, sem que os custos aumentem demais.

E, por falar em lucros, esse é um setor com margens interessantes. O valor agregado final para o cliente, normalmente, consegue se destacar em relação aos custos com produção. Portanto, é uma alternativa que vale a pena.

No entanto, os números sobre rendimento e retorno dependem da sua operação. O ponto comercial escolhido, a forma de operação e o potencial de público são alguns fatores que interferem no sucesso. É por isso que compreender bem o mercado e fazer um planejamento é interessante.

Como comprar a melhor máquina de sorvete?

Para explorar todo o potencial desse segmento e conseguir a melhor performance, é essencial fazer uma boa avaliação de fornecedores. Afinal, não basta escolher o tipo da máquina — é preciso entender onde comprá-la. Desse modo, você terá toda a segurança para operar no novo negócio.

Como há muitas opções no setor, vale a pena conhecer quais são os fatores indispensáveis de verdade. A seguir, descubra o que avaliar para adquirir a melhor máquina de sorvete do mercado!

Qualidade

Você deseja que o seu investimento seja útil e dure ao máximo, certo? Para isso, é preciso contar com uma máquina robusta e capaz de atender às suas necessidades. Então, o primeiro fator a observar é a qualidade.

Veja se o equipamento utiliza as novas tecnologias, se tem um bom nível de produtividade e se oferece máxima qualidade para o sorvete produzido. Desse jeito, garante-se que o investimento ofereça um bom rendimento.

Além disso, avalie a questão em relação à durabilidade. Ter um aparelho que vai durar por alguns anos “dilui” os custos a cada mês e fortalece o custo-benefício. Também é um meio de não perder produtividade e oportunidades por conta da quebra da máquina bem no meio do expediente.

Para completar, veja qual é a garantia oferecida. Ela deve ter um prazo legal adequado para que você tenha o suporte caso ocorra algum defeito de fábrica. Isso, inclusive, ajuda a atestar a qualidade e a confiabilidade no equipamento.

Preço

Para começar a atuar no ramo do jeito certo, também é natural não querer investir tanto, logo de cara. Pensando nisso, vale a pena considerar qual é o preço da máquina e como isso se compara às suas possibilidades. Naturalmente, o valor de aquisição e de manutenção deve estar no seu orçamento.

No entanto, esse não é o único ponto a ser avaliado. Em vez de escolher a alternativa mais barata do mercado, o que faz sentido é pensar no custo-benefício. Se a máquina dura bastante, como visto, o custo relativo fica menor e ela vale mais a pena. Também pense na qualidade, na diferenciação e na capacidade de operação.

Inclusive, falar sobre esse fator serve para dizer que ele não deve ser o aspecto determinante da compra. Lembre-se de que se trata de um investimento em um novo negócio, o que demanda a destinação correta dos recursos.

Formas de aquisição

Em vez de apenas considerar o valor a ser pago, também é interessante pensar nas condições de aquisição da máquina de sorvete. Isso significa avaliar, por exemplo, quais são os financiamentos disponíveis e como eles se encaixam em suas necessidades.

Poder recorrer a alternativas como FINAME, FINASA, PROGER e opções variadas do BNDES, só para citar alguns, é essencial para ter poder de escolha.

Ter a oportunidade de pagar de modos distintos permite, inclusive, que você selecione o que será melhor para o negócio e sua atuação. Em vez de usar o dinheiro de uma só vez, pode usar o que tem guardado como capital de giro, o que aumenta as chances de sucesso do empreendimento.

Assistência técnica

Ao definir qual é a empresa adequada para fazer o pedido, não deixe de considerar a assistência técnica disponibilizada para a máquina de sorvete. Dentro do período da garantia, o ideal é poder contar com um time especializado, altamente capacitado e que oferece atendimento rápido e eficiente. Desse jeito, é possível fazer com que todas as necessidades sejam cumpridas, em caso de quebra ou manutenção preventiva.

A análise deve se estender para além da garantia. Afinal, mesmo que essa cobertura não esteja ativa, a máquina precisará de atenção profissional, de tempos em tempos. Veja quais são as condições oferecidas pela fabricante e como é a forma de atendimento. Poder contar com o auxílio nos momentos adequados evita que você tenha que procurar profissionais que não são confiáveis.

Aproveite para tirar todas essas dúvidas antes da compra, de modo a ter a certeza de que seu negócio não ficará na mão quando mais precisar.

Consumo de energia

Os custos da venda de sorvete não estão ligados apenas aos materiais utilizados ou à estrutura do estabelecimento. Você também deve considerar os gastos da máquina de sorvete — e o com energia elétrica é um dos principais.

É essencial conferir qual é o nível de consumo do equipamento e se ele tem algum mecanismo para evitar desperdícios. Normalmente, itens de qualidade e com novas tecnologias são mais eficientes, o que representa gastos menores.

Verifique questões como a potência, modo de trabalho e gasto médio por hora de operação. Mesmo sem ser especialista no assunto, dá para ter uma ideia de quais são as opções que aliam eficiência e economia a um ótimo desempenho.

Segurança de operação

Também é essencial que o equipamento conte com alguns mecanismos especiais para a proteção durante o funcionamento. A existência de alarmes e monitores, por exemplo, diminui os riscos de acidentes ou problemas catastróficos.

Em relação à sua escolha, não deixe de avaliar qualidades técnicas, como a fase de funcionamento elétrico. Essa característica deve ser compatível com a estrutura elétrica do seu espaço, de modo a não sobrecarregar a rede. Igualmente, a tensão deve ser adequada para a voltagem de cada local.

Facilidade de operação

Para conseguir máxima praticidade ao entrar no mercado de sorvetes, o ideal é que a máquina seja simples o bastante. Não adianta adquirir uma complexa se você não vai saber como operar e obter o maior rendimento. Portanto, o melhor é ter um equipamento robusto, mas que não seja complexo.

Veja, por exemplo, quais são as funções do aparelho e se elas são simples de acionar. Com essas características, dá para garantir que você possa começar a vender logo após a aquisição.

Vale a pena, inclusive, ver a opinião de quem já comprou e utiliza atualmente. Com um entendimento sobre como ocorre a operação, dá para ter uma ideia clara do que esperar e como conquistar os primeiros lucros.

Treinamento após a compra

Por mais que a máquina de sorvete seja fácil de usar, não dá para ignorar a necessidade de ter as orientações certas. Com os conhecimentos necessários, você aprenderá a regular o equipamento, obter a consistência adequada e manter a operação nos níveis ideais.

Como uma simples leitura de manual não é o suficiente, vale a pena ver o que o fornecedor oferece nesse sentido. Confira se existe algum treinamento após a aquisição e se há a oportunidade de tirar dúvidas para o melhor uso.

Aproveite o período antes do pedido para questionar a fabricante sobre essa possibilidade. Confira se ele é presencial ou à distância, se é feito com especialista, qual a duração e os temas envolvidos. Desse jeito, dá para ter a certeza de que haverá o suporte necessário para o uso ideal.

Credibilidade da marca

Depois de considerar todos esses fatores, é provável que você já tenha reduzido bastante as opções do mercado. Para fazer a escolha final, fique de olho nas características da marca, de maneira completa.

Já que o objetivo é ter uma lucratividade constante e um desempenho financeiro adequado, nada melhor que contar com uma empresa confiável e bem consolidada. Veja, por exemplo, se o negócio é experiente e se está há muitos anos no mercado. Confira, ainda, se há outros clientes satisfeitos e uma boa rede de contatos e distribuição.

Aproveite para avaliar o atendimento em todo o processo de compra, pois isso dá uma ideia do suporte que você terá mais tarde. Tudo isso tem a ver com a segurança para a tomada de decisão e vai dar acesso às melhores máquinas. Como consequência, o seu negócio poderá colher bons resultados.

Comprar uma máquina de sorvete é uma excelente decisão para empreender e ganhar o ano inteiro. Antes de desembolsar seu dinheiro, entretanto, considere todas essas questões para fazer a melhor escolha.

Como a seleção do fornecedor adequado é indispensável, entre em contato conosco da Alphagel e veja quais são os equipamentos que oferecemos!

Sem comentários

Cancelar

Assine conteúdos do mundo sorvete gratuitamente!